16 setembro 2008

De uma chance à Qualidade

Aristóteles escreveu que "Qualidade não é uma ação, é um hábito." Mais do que isso, é um estado de espírito. É um ato de consideração e respeito para com aqueles que vão, eventualmente, utilizar o produto ou serviço. É um reconhecimento e a comemoração da integridade, habilidades, valores e eficiencia de seus produtores ou fornecedores. Num nível mais alto, qualidade é a aplicação da Regra de Ouro do trabalho, o reconhecimento de que o produtor É o consumidor, cliente e cidadão; que cada produto e servição são um trabalho de arte, a ser criado com orgulho, polido com amor e recebido com gratidão. A mais forte motivação para produzir itens de alta qualidade e serviços é o prazer gratificante de fazê-lo. Desta forma, qualidade é a consciência e intenção do produtor. É o relacionamento direto entre pessoas, produtos e a sociedade, baseado em funcionalidade, imaginação, arte e amor. Por esta razão, qualidade é a expressão de respeito para consigo mesmo como criador.

O pioneiro do movimento pela Qualidade, W. Edwards Deming, acreditava que a melhorias em qualidade requerem a delegação de responsabilidade para os empregados organizados em equipes encarregados de entregar produtos que estejam de acordo com padrões que a própria equipe criou. Os membros da equipe, no modelo de Deming são desafiados pelos líderes a fazer melhor, e eles são apoiados e recompensados por assim o fazer. Construir responsabilidade pela qualidade em todas as descrições de trabalho permite apresentar claramente que Qualidade é responsabilidade de Todos.



Desperte o interesse pela qualidade nas equipes através do compartilhamento, liberdade e confiança...


Esse livro Organizational Democracy está mudando meus horizontes... credo

Nenhum comentário:

Postar um comentário